>
Você está lendo...
Política

Marisa Letícia Lula da Silva, um ano de morta faz

Marisa Letícia Lula da Silva, um ano de morta faz

Lula, Deus tirou a sua mulher num momento extremamente crítico da sua vida, mas tente se resignar porque “temos que passar por determinadas provações”. Como consolo, ele, Deus, manteve bem viva e fora da cadeia a sua amante “Rose”, a Rosemary Nóvoa de Noronha, denunciada pelo Ministério Público Federal (MPF) em maio de 2015 por improbidade administrativa enquanto era chefe do Escritório (Gabinete) da Presidência da República em São Paulo. É Lula, a sua companheira de viagens (cama, mesa e banho) foi acusada de “receber favores” em troca de nomeações por ela indicadas, irregularidades essas levantadas na Operação Porto Seguro deflagrada no mês de novembro de 2012. Naquela altura, “Rose” já era alvo de uma ação criminal por corrupção passiva, tráfico de influência e falsidade ideológica. O destino foi certo quando os juntou. Bandido atrai bandido (a), muito embora você negue as identidades, como sempre negou. De todo modo, agora não pode negar que dona Marisa Letícia Lula da Silva está lhe fazendo falta. Quem levará o vinho Romanée-Conti e os charutos cubanos na cadeia, para o seu deleite? Quando o bicho pega a amante foge!

Ao lado do senhor ex-presidente Lula, a Srª Marisa Letícia Lula da Silva, em vida, respondia pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro na Lava-Jato, em razão de contratos celebrados entre a Petrobras e a Odebrecht, com o objetivo de gerar propinas. O casal Lula, segundo investigações, recebeu R$ 12,4 milhões (dinheiro sujo), que foi usado para comprar um terreno que seria destinado à construção da nova sede do Instituto Lula e R$ 504 mil para a aquisição de um apartamento em São Bernardo do Campo, em São Paulo. Mas, sabe Lula, vai acabar a dona Marisa, mesmo depois de morta, sendo acusada de ter solicitado toda essa propina, por iniciativa própria, como se tivesse competência para isso – é aquela coisa, como morta não pode se defender, a juízo dos advogados de defesa do ex-presidente, a falecida pode perfeitamente ser “usada” para levar a culpa sozinha, de modo a livrar a cara do “Chefe”, do “Grande Chefe”, do “Nine” (Nove dedos). Foi realmente isso que aconteceu. Em depoimento prestado como testemunha arrolada pelo Ministério Público Federal (MPF) numa ação penal contra Lula, no dia 09/05/2017 (numa terça-feira), o pecuarista José Carlos Bumlai disse ao juiz Sérgio Moro que a mulher do Lula, Marisa Letícia, o procurou e pediu a sua “ajuda” para comprar um terreno que iria abrigar a sede do Instituto Lula (Memorial da Democracia). No mínimo é uma história que não convence no primeiro conto. Bumlai chegou a titubear em alguns momentos – faltou-lhe convicção. Certamente o juiz federal Sérgio Moro dará os processos contra dona Marisa como extintos, jamais concederá perdão judicial por sua suposta inocência nos crimes imputados.

Sorte ou azar, a ex-primeira-dama do Brasil não aguentou a pressão psicológica e partiu antes. Teve morte cerebral constatada no dia 02 de fevereiro de 2017. Em sua página no Facebook, Lula comunicou: “A família Lula da Silva agradece todas as manifestações de carinho e solidariedade recebidas nesses últimos 10 dias pela recuperação da ex-primeira-dama Dona Marisa Letícia Lula da Silva. A família autorizou os procedimentos preparativos para a doação dos órgãos”. É Lula, você economizou palavras, o que é incomum partindo de um político com a língua solta. Uma curiosidade: Quais órgãos foram doados e quem os recebeu? Infelizmente o cérebro morto de Marisa Letícia não serviria pra nada! O seu cérebro vivo seria de vital importância para a revelação à Justiça de informações sobre o esquema de corrupção envolvendo a Petrobras, a Odebrecht, a OAS, e, no meio disso tudo, o seu agora ex-marido Lula – enlutado oportunamente. Lula pode usar o luto a seu favor e já pensa em pedir ao juiz Sérgio Moro que aguarde a missa de 02 anos em homenagem à alma de Marisa Letícia, para depois dar andamento aos processos contra ele. Dona Marisa morreu de desgosto. Na verdade ela cansou de pedir a Lula que parasse de beber, para que ele abandonasse a política, que deixasse o comando da organização criminosa, que acabasse de vez com o PT. Foram pedidos em vão, feitos por ela anos seguidos, sem que o ex-metalúrgico de nove dedos (Nine) a escutasse, nem que fosse por educação.

Nota da imprensa: “Marisa faleceu aos 66 anos, vítima de morte cerebral, em razão de complicações causadas por um Acidente Vascular Cerebral (AVC) hemorrágico. Em um boletim divulgado à imprensa, o Hospital Sírio-Libanês, onde a mulher de Lula estava internada, informou que durante a manhã foi realizado um procedimento que identificou a ausência de fluxo cerebral. ‘Diante do resultado, com autorização da família, foram iniciados procedimentos para doação de órgãos’ – informou o HSL. Marisa estava no hospital Sírio-Libanês desde 24 de janeiro de 2017, mas a situação se agravou ontem (01/02), com a redução da atividade cerebral. Ainda ontem, um médico que atendia a ex-primeira-dama, disse aos jornalistas que a situação da paciente era irreversível. Na terça-feira (31/01), Marisa teve uma melhora e por conta disto, os médicos chegaram a tirar os sedativos que a mantinham em coma induzido. Porém, como não houve reação positiva, ela foi sedada novamente”.

Augusto Avlis

Navegue no Blog  opiniaosemfronteiras.com.br e você encontrará 832 artigos publicados em 16 Categorias. Boa leitura.

Anúncios

Sobre augustoavlis

Augusto Avlis nasceu no Rio de Janeiro na metade do século XX. Essa capital foi antes o Distrito Federal e o Estado da Guanabara. Profissionalizou-se em Marketing Operacional e fez parte, como Executivo, de multinacionais do segmento alimentício por mais de três décadas, além de Consultor de empresas. Formado em Comunicação Social, habilitou-se em Jornalismo. Ocupou cargo público como Secretário de Comunicação. Hoje dedica-se às atividades de escritor e cronista.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 155 outros seguidores

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: