>
Você está lendo...
Política

Cara emporcalhada

Cara emporcalhada

Amigos leitores, leiam, abaixo, o que eu escrevi num sábado, 11 de junho de 2005. Lá se vão 12 anos e 17 dias.

Quem nunca comeu melado, quando come se lambuza. Esta máxima se aplica perfeitamente ao episódio vivido pelo PT nos últimos dias, diante das denúncias de corrupção que estarreceram a nação. É pura ingenuidade achar que essa prática é nova nos bastidores da política. O problema é que o PT foi com muita sede ao pote, ou melhor, com muita fome, sem conhecer os meandros dos antigos esquemas palacianos, herdados pelos detentores ou depositários do poder. Naturalmente, com o poder nas mãos, que foram trocadas pelos pés, os santos ilustres membros do Partido dos Trabalhadores bradaram aos pés da República: “Chegou a nossa vez”. “Vez de quê?”. Perguntaram os inocentes eleitores. Mas, alguém muito próximo do Ali Babá, mandou essa: “Como políticos de esquerda, formamos um conjunto ou coalizão de grupos empenhados na defesa ou instituição de uma ordem social baseada em princípios de igualdade e ampla participação. Portanto, se temos a prerrogativa da igualdade e do ilimitado direito de tomar parte no esquema, chegou a nossa vez de meter o pé na jaca”. E todos meteram ao mesmo tempo, cometendo excessos, excedendo os limites, exagerando na dose. Só que tem dois poréns: o PT deixou de fora do esquema as velhas raposas da oposição e os petistas abusaram do direito de comer melado e ainda deixaram a cara emporcalhada pra todo mundo ver.

Moral da história percebida em 2017: Do Mensalão pra cá, o PT aumentou o estoque de melado e convidou todos os partidos políticos para se servirem à vontade, deixando toalhas de bom linho à disposição para que cada qual limpasse a cara. Impressionante como tudo é tão atual.

Augusto Avlis

Navegue no Blog  opiniaosemfronteiras.com.br e você encontrará 817 artigos publicados em 16 Categorias. Boa leitura.

Anúncios

Sobre augustoavlis

Augusto Avlis nasceu no Rio de Janeiro na metade do século XX. Essa capital foi antes o Distrito Federal e o Estado da Guanabara. Profissionalizou-se em Marketing Operacional e fez parte, como Executivo, de multinacionais do segmento alimentício por mais de três décadas, além de Consultor de empresas. Formado em Comunicação Social, habilitou-se em Jornalismo. Ocupou cargo público como Secretário de Comunicação. Hoje dedica-se às atividades de escritor e cronista.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 145 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: