>
Você está lendo...
Política

Pergunte aos candidatos presidenciáveis – 9ª pergunta

Pergunte aos candidatos presidenciáveis 9ª pergunta

Às vésperas do primeiro debate na Rede Bandeirantes de TV, acontecido na terça-feira, 26 de agosto de 2014 (22h00min) entre os 07 candidatos a presidente da República (Pastor Everaldo – PSC, Luciana Genro – PSOL, Marina Silva – PSB, Aécio Neves – PSDB, Dilma Rousseff – PT, Levy Fidelix – PRTB e Eduardo Jorge – PV) para a gestão 2015/2018, eu formulei uma série de 20 (vinte) perguntas a serem feitas aos candidatos presidenciáveis, apenas como sugestão, e as encaminhei diretamente à emissora através de e-mail. Abaixo, a título de registro, eu estou reprisando as perguntas e as ratificando neste meu BLOG.

ECONOMIA / INFLAÇÃO. Há praticamente 12 anos o Estado intervém na economia, digamos, de forma exagerada; o Brasil vem perdendo o ritmo de crescimento, sobretudo no governo Dilma Rousseff, que vem atribuindo o mau desempenho da economia às crises internacionais – uma desculpa que não está mais convencendo o empresariado. A economia está numa cápsula de congelamento, o país não cresce, as expectativas são sombrias e provavelmente fecharemos o ano abaixo de 1%. A inflação, projetada para fechar 2014, deve ficar acima de 6%; a continuar o estado de coisas, em breve baterá a casa de dois dígitos. Os políticos são bons no exercício de falácia, pintam o pior quadro com as cores da normalidade, os nossos ouvidos não aguentam mais conversa pra boi dormir. Os economistas palacianos querem que o povo coma sardinha e arrote caviar. A recessão bate à nossa porta e o governo federal insiste em dizer que ela não foi convidada para a festa das incompetências.

Pergunta: Senhores candidatos. Tendo em vista que o cenário da política econômica é de muitas incertezas, impedindo previsões de médio e longo prazos, o que os candidatos pensam em fazer com a equipe econômica, mantê-la ou substituí-la a partir de 1º de janeiro de 2015? O que o Brasil precisa fazer para voltar a crescer, sabendo de antemão que 2015 será um ano de ajustes fiscais, do combate à inflação e correção do câmbio, ações que fatalmente reduzirão os investimentos nos setores produtivos e na infraestrutura do país, além de acontecer um provável racionamento de energia elétrica, levando-se em conta a oferta de energia x demanda de consumo?

Augusto Avlis

Navegue no Blog  opiniaosemfronteiras.com.br e você encontrará 525 artigos publicados em 14 Categorias. Boa leitura.

Anúncios

Sobre augustoavlis

Augusto Avlis nasceu no Rio de Janeiro na metade do século XX. Essa capital foi antes o Distrito Federal e o Estado da Guanabara. Profissionalizou-se em Marketing Operacional e fez parte, como Executivo, de multinacionais do segmento alimentício por mais de três décadas, além de Consultor de empresas. Formado em Comunicação Social, habilitou-se em Jornalismo. Ocupou cargo público como Secretário de Comunicação. Hoje dedica-se às atividades de escritor e cronista.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 159 outros seguidores

Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: