>
Você está lendo...
Fatos em Foco

Toque retal

1Estava de passagem por Vitória, capital do Espírito Santo, e, no aeroporto, comprei o jornal A GAZETA, edição da quarta-feira, 20 de novembro de 2013. No caderno CIDADES, interessante nota de Leonel Ximenes – Médico desabafa: falta até papel. O médico, e vereador de Linhares, José Zitenfeld Cardia resolveu desabafar. Pelo ‘Face’, ele denuncia a falta de papel para enxugar as mãos no Centro de Saúde do Araçá, onde trabalha. “Sou urologista, estamos em campanha de Novembro Azul em todo o país, tenho de fazer o exame local do paciente (toque retal). Após retirar a luva, [tenho que] lavar as mãos com sabonete líquido e depois enxugar as mãos nas calças. Isso mesmo, passar as mãos nas calças, pois não tem papel-toalha. E não querem que eu reclame, que não fale em público”.

Uma situação, no mínimo, hilariante. Quando li a nota dei uma tremenda gargalhada que foi ouvida em toda a extensão do aeroporto internacional de Vitória, Aeroporto Eurico de Aguiar Salles. Imagine o pobre do médico, e vereador da cidade de Linhares (no norte do ES), eminente Dr. José Zitenfeld Cardia, se faltasse luva, água e sabonete. Fico imaginando o que está acontecendo por esse Brasil afora; como estão se virando os médicos do Programa “Mais Médicos”, sobretudo os estrangeiros, diante da total precariedade dos serviços públicos de saúde. Acho que em algumas localidades o dito cujo toque retal é feito com o uso de gravetos lubrificados ou masturbadores de silicone – o uso do dedo humano está totalmente descartado pelo alto risco de encontrar, no reto, restos de buchada de bode (ao molho de tripa de carcará sanguinolento) comida na janta do dia anterior.

2O mês de novembro não acabou, faltam três dias, portanto, ainda dá tempo de marcar uma consulta com um urologista de sua confiança. Também é tempo de relaxar e aproveitar o prazer do toque, porém, tome alguns cuidados, como treinar o toque retal em casa debaixo do chuveiro, verificar se o médico aparou as unhas, e, sobretudo, em que posição ele colocará você na hora da verdade. Enfim, a sua saúde merece!

Augusto Avlis

Anúncios

Sobre augustoavlis

Augusto Avlis nasceu no Rio de Janeiro na metade do século XX. Essa capital foi antes o Distrito Federal e o Estado da Guanabara. Profissionalizou-se em Marketing Operacional e fez parte, como Executivo, de multinacionais do segmento alimentício por mais de três décadas, além de Consultor de empresas. Formado em Comunicação Social, habilitou-se em Jornalismo. Ocupou cargo público como Secretário de Comunicação. Hoje dedica-se às atividades de escritor e cronista.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 158 outros seguidores

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: