>
Você está lendo...
Fatos em Foco

COVID-19 – Décima nona parte

COVID-19 – Décima nona parte

“Eis que do Inferno brasileiro brotará a confirmação de uma teoria: Quando houver balde, faltará merda para enchê-lo; quando houver merda disponível, faltará balde para recebê-la! O Brasil, com o seu Inferno particular, está experimentando a falta dos dois, do balde e da merda – não necessariamente nesta ordem. O imbróglio causado pela liberação do uso emergencial de duas vacinas contra a Covid-19 colocou a política em segundo plano, prevalecendo a pressão em favor da vida. Na vontade do presidente Jair Bolsonaro sobrariam braços e faltariam vacinas, contrariamente à opinião do governador de São Paulo João Doria”.   

Augusto Avlis

‘Vacina é do Brasil, não é de nenhum governador’, diz Bolsonaro em crítica a Doria. Daniel Gullino, O GLOBO, segunda-feira, 18 de janeiro de 2021 (11h02min AM). BRASÍLIA — O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira que, após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) liberar o uso emergencial de duas vacinas contra a Covid-19, “não tem o que discutir mais”. Bolsonaro disse que “a vacina é do Brasil, não é de nenhum governador”. A fala foi um recado velado ao governador de São Paulo, João Doria, que iniciou a vacinação ainda no domingo, sem esperar a distribuição do Ministério da Saúde — ato classificado pelo ministro Eduardo Pazuello como ilegal. O próprio presidente, no entanto, já vinculou diversas vezes a CORONAVAC ao governador, chamando o imunizante inclusive de “vacina chinesa do João Doria”. — Apesar da vacina… Apesar, não. A ANVISA aprovou, não tem o que discutir mais. Agora, havendo disponibilidade no mercado, a gente vai comprar e vai atrás de contratos que fizemos também, que era para ter chegado aqui. Então, está liberada a aplicação no Brasil. E a vacina é do Brasil, não é de nenhum governador, não — disse Bolsonaro a apoiadores, no Palácio da Alvorada.

“Acautelai-vos primeiramente do fermento dos fariseus, que é a hipocrisia. Mas nada há encoberto que não haja de ser descoberto; nem oculto, que não haja de ser sabido. Porquanto tudo o que em trevas dissestes, à luz será ouvido; e o que falastes ao ouvido no gabinete, sobre os telhados será apregoado – Lucas 12:1-3”.

Augusto Avlis

Navegue no Blog  opiniaosemfronteiras.com.br e você encontrará 1.003 artigos publicados em 16 Categorias. Boa leitura.

Sobre augustoavlis

Augusto Avlis nasceu no Rio de Janeiro na metade do século XX. Essa capital foi antes o Distrito Federal e o Estado da Guanabara. Profissionalizou-se em Marketing Operacional e fez parte, como Executivo, de multinacionais do segmento alimentício por mais de três décadas, além de Consultor de empresas. Formado em Comunicação Social, habilitou-se em Jornalismo. Ocupou cargo público como Secretário de Comunicação. Hoje dedica-se às atividades de escritor e cronista.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se aos outros seguidores de 163

%d blogueiros gostam disto: