>
Você está lendo...
Política

Fórum do leitor

Fórum do leitor

Pergunta: Você acha que o povo brasileiro está muito passivo, diante dos casos de corrupção dos políticos?

Resposta: Acho, mas quem dará o primeiro passo, indo às ruas, de forma articulada, protestar contra esse estado de coisas, demonstrar a sua indignação, manifestar repulsa, nojo, colocando de lado o sentimento de que “não há mais jeito”? Verdade é que os últimos escândalos envolvendo o PT – então partido da moral, da ética e da mudança prometida –, fizeram o povo brasileiro entrar em completo estado de choque, e a despeito dos efeitos anestésicos das propagandas político-partidarias em dose dupla, a total descrença, o desencanto e a desconfiança com relação aos políticos crescem a cada dia. Devido à sua pouca formação política, o povo tem feito “ouvidos de mercador” quando o assunto é CPI – deleta momentaneamente os noticiários; prioriza outras preocupações como fome, violência urbana e sobrevivência, mas depois a ficha cai de novo, sem conseguir digerir as sucessivas denúncias de corrupção. No imenso lamaçal, em que a classe política está mergulhada, impera a “conivência engravatada”, enquanto se pratica políticas públicas medíocres e a desonestidade continua sendo exigência de currículo. Em curto prazo, o voto não mudará essa realidade, até porque o problema não está nas reformas eleitoral e política, a questão recai sobre o homem – com todas as suas tendências, facilitadas pelo sistema. A atual geração sente-se órfã do patriotismo, mas não a ponto de contribuir para que o medo tome o lugar da esperança, sabedora de que não há espaço para radicalismos. Na ditadura, o Governo usava canhões para calar e oprimir o povo. Hoje, na “democracia de esquerda”, o Governo usa o STF para proteger os criminosos políticos, invertendo o papel da Justiça. Que o Dia Internacional Anticorrupção seja comemorado todos os dias, e não apenas no dia 09 de dezembro.

Nota de rodapé: Este artigo tem a data de Vitória (ES), sexta-feira, 09 de dezembro de 2005. Ele foi publicado, em parte, pelo jornal A GAZETA, edição de uma segunda-feira, 12 de dezembro de 2005, sob o título “Esperança”. Parece que foi hoje!

Augusto Avlis

Navegue no Blog  opiniaosemfronteiras.com.br e você encontrará 860 artigos publicados em 16 Categorias. Boa leitura.

 

Anúncios

Sobre augustoavlis

Augusto Avlis nasceu no Rio de Janeiro na metade do século XX. Essa capital foi antes o Distrito Federal e o Estado da Guanabara. Profissionalizou-se em Marketing Operacional e fez parte, como Executivo, de multinacionais do segmento alimentício por mais de três décadas, além de Consultor de empresas. Formado em Comunicação Social, habilitou-se em Jornalismo. Ocupou cargo público como Secretário de Comunicação. Hoje dedica-se às atividades de escritor e cronista.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 158 outros seguidores

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: