>
Você está lendo...
Política

Conspiração do Diabo

Conspiração do Diabo

O Diabo é mestre em construir planos para prejudicar os justos – nesse caso a Justiça.

O ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega, chegou a ser preso na 34ª fase da Operação Lava-Jato, batizada de “Arquivo X”, deflagrada no dia 22 de setembro de 2016. Na verdade, ele foi “detido temporariamente”. Amigos leitores, vocês devem lembrar que Guido Mantega, mafioso italiano (nascido em Gênova, Itália, no dia 07 de abril de 1949), foi retirado discretamente de dentro do hospital Albert Einstein, localizado na Zona Sul de São Paulo, por agentes da Polícia Federal, quando acompanhava a sua mulher, que passava por uma cirurgia. Guido Mantega chegou à sede paulista da Superintendência da Polícia Federal por volta das 09h30 e deveria ser levado no mesmo dia (22) para Curitiba, Paraná.

A 34ª fase da Operação Lava-Jato, “Arquivo X”, vem apurando irregularidades em dois contratos assinados entre a Petrobras e o consórcio Integra Offshore, formado pela empresa OSX e a empreiteira Mendes Júnior, para a construção das plataformas marítimas P-67 e P-70, que seriam empregadas na exploração das reservas brasileiras do pré-sal.

Segundo o FBI (Fofoqueiro Brasileiro Infiltrado), o mafioso italiano foi designado pela ex-presidente Dilma Rousseff (PT) para cuidar pessoalmente da “arrecadação” de recursos ilícitos destinados à campanha da reeleição de 2014 junto aos empresários da OSX e Mendes Júnior (e outros). O próprio Eike Batista, em depoimento espontâneo prestado ao Ministério Público Federal (MPF), citou Guido Mantega, à época também presidente do Conselho de Administração da Petrobras, como “solicitante”, em novembro de 2012, do pagamento de R$ 05 milhões ao Partido dos Trabalhadores.

O juiz Sérgio Moro revogou o mandado de prisão de Guido Mantega, com a alegação de que, tanto ele, Sérgio Moro, quanto a Polícia Federal, não sabiam do momento delicado pelo qual passava o ex-ministro da Fazenda, ou seja, a doença grave e a cirurgia da sua esposa. “Com base nesses fatos, e para preservar as buscas e apreensões, acolhi pedido do MPF para decretação da prisão temporária dele e de outros investigados. Sem embargo da gravidade dos fatos em apuração, noticiados, que a prisão temporária foi efetivada na data de hoje, quando o ex-ministro acompanhava o cônjuge acometido de doença grave em cirurgia” – escreveu Sérgio Moro.

O Diabo é mestre em construir planos para prejudicar os justos – nesse caso a Justiça. A doença grave e a operação da mulher de Guido Mantega o salvaram da prisão na 34ª fase da Operação Lava-Jato – “Arquivo X”.

Na operação deflagrada na manhã de hoje, quinta-feira, 26 de janeiro de 2017, batizada de “Eficiência” pela Polícia Federal, Eike Batista está na lista dos nove elementos (corruptos injustos) que receberiam ordem de prisão preventiva emitida pelo juiz federal Marcelo da Costa Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio, que comanda a Lava-Jato naquela capital carioca.

Eike Batista não foi encontrado em casa, portanto, não foi preso; é dado como fugitivo pelas autoridades. Tudo indica que Eike Batista soube antecipadamente da Operação Eficiência, e que nela seria preso. A Polícia Federal está investigando se o ex-candidato ao homem mais rico do planeta fugiu do país na noite da última terça-feira, 24, usando passaporte alemão. “Na primeira hora de hoje levantou-se a possibilidade de uma reserva para um voo da American Airlines, voo 974, com destino a Nova York, chegando na parte da manhã. Agora, a Polícia Federal já está em pleno contato com a Interpol, primeiro para localizar, para verificar se ele efetivamente chegou à Nova York. Essa informação não foi confirmada ainda, mas a Interpol já está verificando no âmbito da cooperação policial” – disse o delegado da Polícia Federal Tacio Muzzi, informando, ainda, que o nome de Eike Batista será incluído na “difusão vermelha” da Interpol caso ele não se apresente à Justiça.

Caso Eike Batista volte do exterior, por livre e espontânea vontade, ou preso pela Interpol, e resolva abrir a boca e entregar todo mundo de forma oficial, fico me perguntando: Qual plano o Diabo construirá dessa vez para salvar Guido Mantega da prisão? Eu acho que pedirá a sua esposa para imitar a mulher do Lula, ex-primeira dama, dona Marisa Letícia (66), internada no Hospital Sírio-Libanês, Centro de São Paulo, nesta terça-feira, 24, depois de sofrer um AVC (Acidente Vascular Cerebral) hemorrágico. Por conta disso, o juiz Sérgio Moro pensará duas vezes antes de mandar prender o Lula, que, não só é amigo do Diabo, como também tem as chaves do Inferno.

Augusto Avlis

Navegue no Blog  opiniaosemfronteiras.com.br e você encontrará 769 artigos publicados em 16 Categorias. Boa leitura.

Anúncios

Sobre augustoavlis

Augusto Avlis nasceu no Rio de Janeiro na metade do século XX. Essa capital foi antes o Distrito Federal e o Estado da Guanabara. Profissionalizou-se em Marketing Operacional e fez parte, como Executivo, de multinacionais do segmento alimentício por mais de três décadas, além de Consultor de empresas. Formado em Comunicação Social, habilitou-se em Jornalismo. Ocupou cargo público como Secretário de Comunicação. Hoje dedica-se às atividades de escritor e cronista.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 145 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: