>
Você está lendo...
Política

Leia o que eu escrevi numa quarta-feira, 23 de agosto de 2006.

Leia o que eu escrevi 

Numa quarta-feira, 23 de agosto de 2006.

Propaganda política

Cometi um autoflagelo: assisti à propaganda política obrigatória, em horário gratuito. Bem-feito pra mim porque tinha coisas mais interessantes para fazer, como dormir, ler, pentear macaco, enfim… Fiquei chateado no meio de gargalhadas. Sei que é difícil, mas consegui. Em que pese a péssima qualidade das campanhas, o eleitor que pretender se açoitar, então que se prepare para aturar a intragável protérvia dos candidatos. Sobram bestialidades. À frente das câmeras apresentam-se de tudo: caras-de-pau, mentirosos, bobalhões, bestas-feras, ardilosos, porcos chauvinistas, santos, ingênuos, deuses, diabos, profetas, chatos; parasitas que habitaram momentaneamente a região pubiana do meu cérebro. Há também um grupo específico de candidatos que não escondem o impetuoso desejo de não largar as tetas do Estado e querem continuar mamando para a engorda dos seus bolsos; cupins do dinheiro público, que apostam na reeleição. Mencionar os nomes dessas ratazanas seria um prêmio, ou melhor, uma propaganda política gratuita. Os novos e emergentes políticos só faltam dizer: “Se eleito, juro por Deus roubar menos”. Até que seria uma atitude mais honesta. Lula evita falar na sigla do seu partido, balbucia propostas de governo como gargareja após uma bebedeira. Como não há nada de sobrenatural sob o sol, eu já espero outro estelionato eleitoral como foi em 2002. Pobre Brasil!

Augusto Avlis

Navegue no Blog  opiniaosemfronteiras.com.br e você encontrará 578 artigos publicados em 14 Categorias. Boa leitura.

Anúncios

Sobre augustoavlis

Augusto Avlis nasceu no Rio de Janeiro na metade do século XX. Essa capital foi antes o Distrito Federal e o Estado da Guanabara. Profissionalizou-se em Marketing Operacional e fez parte, como Executivo, de multinacionais do segmento alimentício por mais de três décadas, além de Consultor de empresas. Formado em Comunicação Social, habilitou-se em Jornalismo. Ocupou cargo público como Secretário de Comunicação. Hoje dedica-se às atividades de escritor e cronista.

Discussão

2 comentários sobre “Leia o que eu escrevi numa quarta-feira, 23 de agosto de 2006.

  1. Temos que tirar o BERÇO ESPLENDIDO, E COLOCAR CAMA DE FAQUIR. QUEM SABE ACORDAREMOS UM DIA!!!!

    Publicado por Nair Santos | 21/10/2014, 22:52

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 152 outros seguidores

Twitter

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: